Leia também...

Leia também...
Homo Sapiens x Homo Cyber

Leia também...

Leia também...
O Humor nos Tempos do Cólera

Leia também...

Leia também...
Os 10 Mandamentos da Vida Virtual

Leia também...

Leia também...
Santos Reis

Blogs, quem não tem competência…

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Costumo dizer que a liberdade de expressão foi uma das maiores conquistas pós ditadura, o cerceamento da imprensa, uma prática muito comum nessa época sombria da história brasileira, acarretou uma perda inestimável de informações importantes para todos nós e obviamente ninguém deseja ver insurgir essa prática fascista da censura.

 

Blogger_Meta_Redirection_add_meta_tags

Imagem: qwertyweb

 

O advento da internet e o implemento de diversos sites de notícias, proporcionou uma nova nuance para a informação, que agora está ao alcance de todos através de um clique de mouse. Na esteira dos sites, surgem os blogs, que de diário pessoal, passaram também a levar informação ao internauta, porém de uma forma mais informal.

 

Já disse que criar um blog hoje é algo relativamente fácil que requer pouco conhecimento, e ainda existem por aí diversos serviços para facilitar ainda mais esse intento.

 

Qualquer um pode criar um blog ou existe alguma restrição? Claro que não existe restrição! Como eu disse, qualquer um pode ter seu espaço e inserir nele suas ideias, ou quem sabe, só replicar o que já foi feito.

 

Eu disse PODE, mas não disse que todo mundo DEVE criar um blog. E por que você não deve criar um blog?  

 

Via de regra surgem blogs de sabichões que do dia pra noite, cismam em ensinar a ganhar dinheiro com blogs, a fazer um blog de sucesso, a ser relevante na blogosfera, etc. Ora, se o sujeito começou a blogar hoje, como o 1º post pode ser os ensinamentos supra citados? Pra ensinar essas práticas não é necessário experiência? Ou estou completamente equivocado?

 

“O bom exemplo é sempre mais eficaz do que o melhor conselho”; balizado nesse conceito, entendo que a pessoa só está apta a ensinar, aquilo que ela detenha amplo conhecimento. É inegável que isso só se adquire com a prática. Como eu vou ensinar a ser sucesso se eu mesmo não o tenho?

 

Aquele que dá bons conselhos, constrói com uma mão; aquele que dá bons conselhos e exemplo, constrói com ambas; o que dá boa admoestação e mau exemplo constrói com uma mão e destrói com a outra. [Francis Bacon]

 

Faça uma busca pelo Google e verá que tem muita gente por aí ensinando aquilo que de fato não sabe. Como a busca por sucesso, por relevância e por dinheiro em blogs é um filão que atrai muitas pessoas, os espertalhões de plantão estão sedentos por ludibriar os incautos e fisgá-los com subterfúgios dessa natureza.

 

Na blogosfera, qualquer um sente-se capacitado para ensinar até mesmo aquilo que é subjetivo, e faz isso de forma tão contundente que acaba até conseguindo iludir alguns inocentes que anseiam o sucesso repentino.

 

Para esses sabichões que abundam a blogosfera, deixo uma frase para reflexão: Dar o exemplo não é a melhor maneira de influenciar os outros. É a única. [Albert Schweitzer]

 

Fica a dica: crie um espaço para ensinar culinária, origamis, mecânica, fazer sabão de óleo de cozinha usado, etc. Ninguém aqui quer cercear seu direito, mas fale daquilo que você de fato possui experiência e conhecimento que possa ser compartilhado.

 

Recomendo:

Blosque - Está Começando Um Blog? Descubra Aqui O Que Você Não Deve Fazer

 

Sobre o Autor:
José Márcio

José Márcio - Editor Chefe dos Invicioneiros, leitor voraz e aprendiz de escritor.Tem opinião e assume os riscos Saudosista dos anos 80. E palpiteiro inveterado. Me Siga no Twitter [@jmpsousa].

Feed
Gostou desse Artigo? Então deixe um comentário, assine nosso Feed ou receba os artigos por email

6 comentários :

Postar um comentário

# Antes de comentar, leia o artigo;
# Os comentários deverão ter relação com o assunto;
# Pode criticar a vontade, inclusive o blogueiro;
# Comentários ofensivos ou pessoais serão sumariamente deletados;
# As opiniões nos comentários não refletem a opinião do blog e são de inteira responsabilidade dos seus autores;