Leia também...

Leia também...
Homo Sapiens x Homo Cyber

Leia também...

Leia também...
O Humor nos Tempos do Cólera

Leia também...

Leia também...
Os 10 Mandamentos da Vida Virtual

Leia também...

Leia também...
Santos Reis

Qual é o Foco do Seu Blog?

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Dias desses frequentando um grupo de blogueiros no Facebook me deparei com a palavra nicho, que sempre é usada para fomentar discussões em torno do retorno financeiro propiciado pelo Adsense.

 

foco-4304 Imagem: www.osvigaristas.com.br  

 

Alguns afamados blogueiros insistem em dizer que sem nicho um blog não chegar a lugar algum, pelo menos quando o foco é o retorno financeiro do Adsense. Em se tratando de pessoas já renomadas na blogosfera, quem sou para discordar. Sabemos que ter retorno financeiro com blogs não é uma coisa tão simples. Muitos dos que conseguem essa proeza tiveram que percorrer um caminho tortuoso até chegar ao status de problogger.

 

Blog de nicho é como uma loja especializada. É um blog focado em um tópico específico, que pode ser mais ou menos reduzido/ajustado. Por exemplo: um blog sobre turismo é um blog de nicho. Um blog sobre turismo nas Maldivas também, mas está dentro de um nicho mais específico – um sub-nicho. (Nospheratt)

 

Percebo que meu blog não tem nicho, aliás, segundo alguns especialistas ele se enquadra no quesito variedades. Segundo o Houaiss, variedade é: qualidade, atributo ou estado daquilo que possui diferentes formas ou tipos. Logo um blog de variedades não tem um nicho específico, pois o que direciona o blog e justamente a diversidade de temas.

 

Eu escolhi não ter nicho, prefiro falar sobre o que der na telha. Porém o fato de não ter nicho não significa que também não tenho foco. Não sou fissurado no retorno financeiro do meu trabalho. Obviamente que não sou contra ganhar dinheiro, muito antes pelo contrário, se o prazer de blogar puder ser conciliado com o retorno financeiro, encontraríamos uma combinação perfeita. E nada me impede de mudar de opinião e passar a focar o retorno financeiro futuramente.

 

Alguns devem estar se perguntando: é possível ganhar dinheiro com um blog de variedades? Sinceramente não tenho essa resposta, mas vamos ao que dizem alguns blogueiros conhecidos sobre o tema:

 

# Como Ganhar Dinheiro Com Blogs de Variedades – Lucrando na Rede

# A Fauna dos Blogs: O Blog de Variedades – O Fim da Várzea

# Um blog pode tratar de vários assuntos? – Ferramentas Blog

# Nicho? Que Bicho é Esse? - Blosque

 

Inegavelmente quando se trata de assuntos diversificados a tarefa “parece” ser um pouco mais complicada, como alguns nobre blogueiros muito bem ressaltaram nos textos citados. É difícil, porém não parece ser impossível, com esforço e dedicação as metas tornam-se bem tangíveis.

 

Confesso que gosto de blogar, mas sou extremamente preguiçoso quando o assunto é monetização. Sou capaz de ficar dias pesquisando um tema para abordar, mas não tenho paciência de passar alguns minutos estudando monetização. Mas tenho percepção suficiente para assimilar alguns ensinamentos disponibilizados na blogosfera.

 

"Nenhum pessimista jamais descobriu o segredo das estrelas ou navegou para terras desconhecidas, ou abriu novos caminhos para o paraíso"  (Helen Keller)

 

Gostaria de, humildemente, dividir com vocês algumas coisas que aprendi sobre como manter o foco do blog. Inspirado e adaptado do texto de  Robin Sharma, autor de Mega-living (ainda sem tradução no Brasil) e sócio da Sharma Leadership International. Que versa sobre cinco pontos para manter a motivação, a inspiração e o foco ao lidarmos com dificuldades:

 

1. Fique de olho nas oportunidades: eu conheço, e muito provavelmente muitos dos que estão lendo esse texto também conhecem, pessoas que conseguem viver de blogs. E eles conseguiram atingir esse status graças ao esforço e dedicação. Certa vez li uma frase que pode servir de inspiração, onde muitos veem dificuldade, outros veem oportunidade.

 

2. Idealize dias melhores: nem sempre começamos um projeto atingindo os objetivos traçados previamente.  Por isso é importante manter o otimismo, se for para desistir no primeiro obstáculo é melhor nem começar. E não tenha dúvidas, eles serão inúmeros.

 

3. Estude: nunca fui o 1º da classe no quesito redação, aliás, sempre fui péssimo nesse quesito no período escolar. Só descobri o gosto por escrever quando criei meu 1º blog em meados de 2007. De lá pra cá aprendi muita coisa, mas não o suficiente ainda. Por isso todos os dias eu leio um universo enorme de blogs e sites e procuro aprender um pouco mais. Para qualquer blogueiro que pretenda ter uma vida longa na blogosfera o foco é principal é estudar. Estude muito, estude sempre.

 

4. Pare, reflita e corrija: muitos reclamam do corre corre dos dias atuais, mas poucos conseguem parar um pouquinho e refletir. É por isso que cada vez mais pessoas são diagnosticadas com estresse, pois possuem tempo pra tudo, menos pra cuidar da própria saúde. Na blogosfera não é diferente, é sempre bom parar um pouco e refletir sobre as perspectivas e metas, se acaso os objetivos não estiverem de acordo com o planejado o melhor a fazer é mudar a rota.

 

5. Seja persistente: eu não conheço ninguém que tenha obtido sucesso lamentando os infortúnios. Mas conheço muitos que tropeçaram caíram, reergueram e hoje são vencedores. Fazer da dificuldade uma oportunidade e da derrota um aprendizado, são práticas que muitos conhecem, mas poucos praticam.

 

Em tempo, não tenho a menor pretensão de ser dono da verdade, minhas opiniões são baseadas numa visão meramente pessoal, portando esteja a vontade para discordar, mas faça isso de forma racional.

 

Sobre o Autor:
José Márcio

José Márcio - Editor Chefe dos Invicioneiros, leitor voraz e aprendiz de escritor.Tem opinião e assume os riscos Saudosista dos anos 80. E palpiteiro inveterado. Me Siga no Twitter [@jmpsousa].

Feed
Gostou desse Artigo? Então deixe um comentário, assine nosso Feed ou receba os artigos por email

5 comentários :

Postar um comentário

# Antes de comentar, leia o artigo;
# Os comentários deverão ter relação com o assunto;
# Pode criticar a vontade, inclusive o blogueiro;
# Comentários ofensivos ou pessoais serão sumariamente deletados;
# As opiniões nos comentários não refletem a opinião do blog e são de inteira responsabilidade dos seus autores;