Leia também...

Leia também...
Homo Sapiens x Homo Cyber

Leia também...

Leia também...
O Humor nos Tempos do Cólera

Leia também...

Leia também...
Os 10 Mandamentos da Vida Virtual

Leia também...

Leia também...
Santos Reis

Sócrates Brasileiro

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

 

 

Sócrates Brasileiro Sampaio de Souza Vieira de Oliveira. Com um prenome de filósofo grego e nome cuja extensão lembra o de um imperador português, Sócrates é uma das maiores lendas do futebol brasileiro de todos os tempos. Recentemente esteve internado na UTI do Hospital Israelita Albert Einstein, devido a uma hemorragia digestiva e complicações hepáticas.

 socrates_timao_Harley_Coqueiro_Invicioneiros

Embora as novas gerações possivelmente pouco tenham ouvido falar de Sócrates, o futebolista (também conhecido como “Dr. Sócrates” ou “Magrão”), o certo é que além de ser um dos maiores ídolos da Fiel Corinthiana, marcou época por ser um “outsider”: fugia de todos os padrões e estereótipos do futebol. Controvertido, quebrou todos os padrões do esporte: nome de filósofo; estudante de Medicina; magricelão; bicho grilo; fumante; apreciador de cerveja; culto e contestador politizado numa época em que era proibida qualquer contestação ao regime militar, ainda mais proveniente de jogadores de futebol. Fisicamente parecia uma combinação genética de Bin Laden + líder sindical do ABC + guerrilheiro das FARC. E ainda por cima, foi um gênio da bola, de reconhecimento internacional, que dentro de campo preocupava-se apenas em jogar futebol de alto nível.

 

O agora médico Dr. Sócrates foi um meia-atacante talentoso e inteligente, com atuações memoráveis pelo Corinthians e Seleção Brasileira. Dono de uma habilidade incomum para um atleta de alta estatura, Sócrates (que é irmão do craque Raí) aprimorou e patenteou uma técnica eficiente de toque de calcanhar, nunca vista antes e depois dele.

 

Sócrates integrou o quadrado mágico da Seleção Canarinho na Copa da Espanha’82, com Cerezo, Falcão e Zico, cujo encantamento mundial iguala-se às lamentações pela não conquista daquela copa.

 

O craque ainda marcaria para sempre a geração dos anos 80, ao liderar com Wladimir, Zenon e Casagrande a emblemática “Democracia Corinthiana”: um movimento utópico e revolucionário que consistia na democratização de todas as decisões no departamento de futebol do clube de Parque São Jorge. O que muitos apostaram que não passaria de um fiasco provocado por jogadores indisciplinados e subversivos, se tornou no maior movimento ideológico da história do futebol brasileiro, e de quebra, a autogestão implantada conseguiu render títulos, lucros e “marketing” para um Timão outrora desmoralizado. A “Democracia Corinthiana” acabou acendendo o pavio do movimento das “Diretas Já”, ao mostrar para as classes reacionárias que, com o poder do voto e o respeito ao anseio da maioria, pode-se mudar para melhor a situação de uma coletividade. Sócrates sempre comemorava os seus gols igual ao craque Reinaldo do Atlético-MG, com o braço direito erguido e os pulsos cerrados ao estilo “Black Power” (símbolo da propaganda do Partido antissegregacionista americano dos Panteras Negras), numa sutil provocação à Ditadura Militar.

 socrates_filosofo_Harley_Coqueiro_invicioneiros

O talento de Sócrates no futebol foi ofuscado apenas por outro fora de série: Zico. Mas afirmo com toda a convicção, que fora dos gramados, Sócrates, com a sua personalidade e atitude, fez muito mais pelo futebol e pelo Brasil do que outros ídolos. Tal qual o seu xará filósofo, quebrou paradigmas e conceitos num mundo acomodado e autoritário, cujo ideal de liberdade, até hoje, não passa de uma retórica demagógica misturada com cicuta.

 

*[Crônica publicada na Folha de Paraopeba, edição de setembro de 2011]

Feed
Gostou desse Artigo? Então deixe um comentário, assine nosso Feed ou receba os artigos por email

0 comentários :

Postar um comentário

# Antes de comentar, leia o artigo;
# Os comentários deverão ter relação com o assunto;
# Pode criticar a vontade, inclusive o blogueiro;
# Comentários ofensivos ou pessoais serão sumariamente deletados;
# As opiniões nos comentários não refletem a opinião do blog e são de inteira responsabilidade dos seus autores;