Leia também...

Leia também...
Homo Sapiens x Homo Cyber

Leia também...

Leia também...
O Humor nos Tempos do Cólera

Leia também...

Leia também...
Os 10 Mandamentos da Vida Virtual

Leia também...

Leia também...
Santos Reis

Metablogs, saiba escolher quem vai ajudá-lo a blogar

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Quando ingressei na blogosfera, assim como muitos, não sabia absolutamente nada de blogs. Aliás, não me lembro de participar ou ler ativamente algum, não é de se estranhar pois mal sabia a diferença entre um blog e um site. Quando não se sabe nada qualquer ajuda é bem vinda e, nesse caso específico, os responsáveis por facilitar nossa entrada na blogosfera são os chamados metablogs.

a-revoluc3a7c3a3o-das-emoc3a7c3b5es-encantando-o-ensinar

Metablogs são blogueiros que se propõe a ensinar outros blogueiros. Eles têm como missão atuar como facilitares do acesso aos serviços colocados à disposição na blogosfera, tornando-os compreensíveis, inclusive para iniciantes.

Como a expansão da internet hoje é uma realidade e o número de novos blogs cada vez mais crescente, é natural o surgimento de inúmeros blogs que se propõem à facilitar a vida dos neófitos. Porém, é necessário alguns cuidados básicos para acessar esses serviços, já que, assim como temos gente competente ensinando, temos também pessoas que mal sabem rascunhar um blog se propondo a ensinar outros a blogar.

Com o tempo a gente acaba aprendendo a diferenciar o joio do trigo. Existem alguns critérios básicos que uso sempre que preciso de alguma dica de metablogs para dirimir minhas dúvidas, as quais elencarei abaixo para que sirva de norte para alguns.

1. Qualidade dos posts
O mínimo que se espera de alguém que de dispôs a ensinar é zelo  com seu trabalho, se o sujeito não se ao trabalho de eliminar erros grotescos de português, é prudente não confiar nas suas informações. É recomendável que o autor não use um linguajar muito rebuscado, mas erros banais depõem contra a qualidade dos artigos.

2. O autor produz ou apenas replica conteúdo
É muito comum nos depararmos com assuntos similares em vários blogs, verifique se autor de fato produz seu conteúdo ou apenas reproduz o que outros já fizeram.

3. Audiência do blogueiro
Um bom número de assinantes de feeds é sinal de que o blogueiro possui boa relevância para aquelas pessoas, do contrário jamais assinariam o feed. Reafirmo que é apenas um sinal, não uma métrica de qualidade inquestionável.

4. Atenção aos usuários
Muitos blogs querem ensinar a blogar, mas não estão nem um pouco preocupados com os leitores e usuários dos serviços, publicam o conteúdo e não dão a mínima pra dúvida dos usuários nos comentários.

5. Layout desleixado
Quem se propõe a ensinar precisa oferecer um layout que facilite a navegação do usuário, muitos dão mais prioridade aos anúncios em detrimento ao conteúdo.

6. Dicas confusas
O ideal é que o blogueiro mescle textos com imagens ilustrativas. Nada pior do que artigos apenas textuais que complicam mais do que facilitam.

7. Rapidez na publicação de novos recursos
Todo blogueiro é curioso por natureza e sempre que é disponibilizado em novo recurso para os blogs seja no Blogger ou Wordpress, os mais populares, há uma corrida alucinada nos metablogs na busca de tais novidades. Como metablog vive quase que exclusivamente de dicas, quando maior a agilidade (com qualidade), melhor. Obs.: Tenho como política nunca implementar serviços recém lançados até que eles estejam devidamente testados e aprovados. É muito comum a ocorrência de bugs nos novos recursos.

8. Dicas que ofendem nossa inteligência
Se tem uma coisa que blogueiro nenhum tolera, até mesmo iniciantes, são pessoas que nos tratam como idiotas. Eu posso não saber sobre determinado assunto, mas não significa que eu seja um retardado. Dicas unilaterais com visões meramente pessoais e repetitivas como por exemplo: A plataforma tal é melhor do que a outra; Como ganhar dinheiro com blog; Como ter um blog de sucesso; Seu blog precisa de um nicho e outras não menos “tradicionais”. O que grande parte deles não sabem é que muitos blogueiros não querem ficar rico com blog e que o conceito de sucesso é relativo, alguns querem apenas um espaço pra compartilhar e receber conteúdo.

Recentemente o amigo +Jairo Grossi postou um desabafo interessante no Google+ sobre os metablogs que merece reflexão dos que militam nessa seara, transcrevo aqui uma parte do que ele disse:

Acho muito importante, os blogs ou sites que dão dicas de como melhorar os nossos blogs. Muitos deles são imprescindíveis para quem está começando, e também me ajudaram muito, e ainda me ajudam bastante em alguns pontos, através de orientações, novidades, códigos HTML, técnicas, dicas, templates ou widgets de grande utilidade. Devagar fui aprendendo, através deles e de experiências negativas próprias, o que funcionava melhor e o que era desnecessário ou supérfluo em um blog, lógico, tendo em vista os objetivos que me fizeram de repente resolver escrever e publicar sobre o que mais gosto.
No entanto, têm umas coisas que leio, e que acho que já estão virando uma chatice repetitiva, ou até mesmo prepotência daqueles que teriam a legítima, importante e altruística intenção de apenas nos ditar os melhores caminhos a seguir, o que eu já disse, acho louvável.  (Leia mais)

Fato é que muita gente se propõe a ensinar mas poucos têm a didática necessária para isso. Não é porque outros conseguem relativo sucesso com um metablog que outros vão trilhar o mesmo caminho. Conheço alguns que mais complicam do ensinam. Não basta querer ser metabloger, é preciso ser especialista na arte de ensinar.

Alguns blogs que sempre uso quando preciso de auxílio:

+ Dicas Blogger
+ Ferramentas Blog
+ Blosque
+ Códigos Blog
+ iceBreaker
+ Templates Novo Blogger
+ Mundo Blogger
+ Mamanunes

Sobre o Autor:
José Márcio
José Márcio - Editor Chefe dos Invicioneiros, leitor voraz e aprendiz de escritor.Tem opinião e assume os riscos Saudosista dos anos 80. E palpiteiro inveterado. Me Siga no Twitter [@jmpsousa].
Feed
Gostou desse Artigo? Então deixe um comentário, assine nosso Feed ou receba os artigos por email

5 comentários :

Postar um comentário

# Antes de comentar, leia o artigo;
# Os comentários deverão ter relação com o assunto;
# Pode criticar a vontade, inclusive o blogueiro;
# Comentários ofensivos ou pessoais serão sumariamente deletados;
# As opiniões nos comentários não refletem a opinião do blog e são de inteira responsabilidade dos seus autores;