Leia também...

Leia também...
Manual prático para lidar com gente chata nas redes sociais

Leia também...

Leia também...
Filosofia Para as Massas

Leia também...

Leia também...
Invicioneiro

Leia também...

Leia também...
De criança para criança

Recomeçar

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

 

27caminho - Cópia

 

Neste início de ano, retomo meus posts consciente de que se tornam cada vez mais raros. Seria a falta de tempo ou a falta de entusiasmo? Não tenho certeza, mas uma coisa não é: falta de assunto...

 

 

Poderia falar, por exemplo, de futebol: as mudanças de elenco, jogador daqui para ali e de lá para cá... Os clubes quebrados, mas com jogadores caríssimos, os torneios das categorias de base, os bairrismos de alguns setores da imprensa...

 

 

Outro assunto seria a política: os escândalos, as disputas políticas, quem cai e quem sobe ao posto, as doenças cercadas de marketing político no Brasil e no mundo, as prévias nos EUA, os problemas no Oriente Médio... E as chuvas: desastres para todo lado absolutamente previsíveis, mas nunca prevenidos. Quem sabe falasse das crises econômicas mundo afora (aqui no Brasil está tudo às mil maravilhas, todo mundo com grana no bolso!...). E os prováveis candidatos a prefeito nas terras invicioneiras: quem serão?

 

 

Quem sabe falasse do BBB12 e sua repercussão? Epa!... Isso não é assunto para mim, muito menos para este espaço blogueiro. Sem preconceito, simplesmente não me interessa e por isso sequer assisto. Consequentemente, não posso fazer juízo de valor, não posso comentar a respeito. Não mesmo... não falaria a respeito…

 

 

Então, de que falaria nesse post? Vem-me agora à mente o recente Encontro de Folias de Reis e Pastorinhas em Caetanópolis. Esse é um bom tema, mas de cunho muito íntimo, visto que falaria de forma por demais apaixonada a respeito, visto que sou um profundo admirador dessa tradição cultural. Prefiro fazê-lo no meu Poetopias...

 

 

Sei o quanto é difícil recomeçar qualquer coisa. Mas recomeço a escrever em “Os Invicioneiros” com o espírito colaborador e quero apenas reportar aos leitores que estou por aí. E para que esse post tenha pelo menos algo que se preste à leitura, transcrevo aqui um poema de Miguel Torga e uma música e vídeo da cantora Tânia Mara.

 

 

primeiros-passos-bebe

 

 

Recomeçar

(Miguel Torga)

Recomeça....

Se puderes

Sem angústia

E sem pressa.

E os passos que deres,

Nesse caminho duro

Do futuro

Dá-os em liberdade.

Enquanto não alcances

Não descanses.

De nenhum fruto queiras só metade.

 

 

E, nunca saciado,

Vai colhendo ilusões sucessivas no pomar.

Sempre a sonhar e vendo

O logro da aventura.

És homem, não te esqueças!

Só é tua a loucura

Onde, com lucidez, te reconheças...

 

 

 

*********************

Recomeçar (Volver a Comenzar)

(Tânia Mara)

Despertar, sob a luz de um novo dia e renovar

Encontrando nova força para Amar

Em tempos difíceis

 

 

Descobrir

Sem querer o quanto é frágil

Decidir

Escolhendo cada passo onde ir

Num futuro incerto

 

 

Não é fácil, prosseguir apagando da memória

Tudo aquilo que fez a nossa história

Nossa vida de novo começar

 

 

Eu canto ao vento

Que beija os meus cabelos num alento

Eu canto ao mar

Que apaga os meus sentidos, e me faz

Recomeçar

 

 

Decidi avançar o meu caminho

Sem deixar

Que o passado, o destino, possam destruir

Uma vida honesta

 

 

Revirar

Alegrias e lamentos

Entender, que só mesmo o próprio tempo

Nos dará, todas as respostas

 

 

Não é fácil, prosseguir apagando da memória

Tudo aquilo que fez a nossa história

Nossa vida de novo começar

 

 

Vídeo disponível no YouTube
Feed
Gostou desse Artigo? Então deixe um comentário, assine nosso Feed ou receba os artigos por email

2 comentários :

Postar um comentário

# Antes de comentar, leia o artigo;
# Os comentários deverão ter relação com o assunto;
# Pode criticar a vontade, inclusive o blogueiro;
# Comentários ofensivos ou pessoais serão sumariamente deletados;
# As opiniões nos comentários não refletem a opinião do blog e são de inteira responsabilidade dos seus autores;