Leia também...

Leia também...
Homo Sapiens x Homo Cyber

Leia também...

Leia também...
O Humor nos Tempos do Cólera

Leia também...

Leia também...
Os 10 Mandamentos da Vida Virtual

Leia também...

Leia também...
Santos Reis

Fotografas-me e não me revelas

quinta-feira, 2 de abril de 2015

Estendo as mãos para o alto

Diante da máquina que me fotografa

Será que é uma arma que me levará

Para o encontro final com outra realidade?

 

Uma realidade que não me faça medo

Que não me traga a angústia de não poder ser criança

Em um mundo cercado de violência

Um mundo mergulhado sombriamente no horror da guerra

Que é travada sem que se saiba por quê

Sem que se saiba para quê

Assim como todas as guerras…

 

Estendo as mãos para o alto

Fotografas-me e não me revelas

O Salgado de minhas lágrimas

Não aparece diante do meu medo…

Sou apenas uma criança síria

Uma criança séria que não sabe rir

Uma criança sem esperança…

(ENANRE ETRAUD – THE EDN)

 

MENINA-SÍRIA

 

*****************************

 

Escrevo esse poema em lágrimas diante da imagem e da reportagem que acabo de ler…

 

http://www.contioutra.com/sobre-a-menina-siria-que-se-rende-ao-confundir-camera-fotografica-com-uma-arma/

 
Sobre o Autor:
The EDN
The EDN - sou industriário, trabalho há 27 anos na Cedro (indústria têxtil centenária de Caetanópolis, MG) e atuo como professor há 24 anos em escolas particulares e públicas
Feed
Gostou desse Artigo? Então deixe um comentário, assine nosso Feed ou receba os artigos por email

0 comentários :

Postar um comentário

# Antes de comentar, leia o artigo;
# Os comentários deverão ter relação com o assunto;
# Pode criticar a vontade, inclusive o blogueiro;
# Comentários ofensivos ou pessoais serão sumariamente deletados;
# As opiniões nos comentários não refletem a opinião do blog e são de inteira responsabilidade dos seus autores;